Telefone

(92) 3631-2300

Email

vendas@celta-fitas.com.br

Local

AM | CE | PA | RO | PR

05 passos para fazer um isolamento de segurança no trabalho

05 passos para fazer um isolamento de segurança no trabalho

Fazer o isolamento na área de trabalho é importante para garantir a segurança. Isso porque estar seguro é algo essencial.

É algo que deve estar nos planos principalmente se for fazer uso de algum tipo de plataforma que será preciso elevar. Por isso, será necessário adotar algumas formas para fazer com que as chances de acidentes sejam mínimas.

Além disso, com um planejamento será possível ter maior eficiência no trabalho. Assim como pode tornar o uso da plataforma mais fácil.

Para tirar as suas dúvidas quanto a esse tema, montamos esse conteúdo. Aqui vamos explicar tudo o que é preciso saber e daremos dicas de como fazer esse isolamento.

Ficou interessado? Então é só continuar com a leitura deste artigo para descobrir mais sobre o assunto.

O que é isolamento de segurança?

Bem, fazer o isolamento da área de trabalho é fundamental para poder garantir segurança a todos ali presentes. Porque ao fazer isso, as chances de ocorrer algum acidente ficam sendo mínimas.

Mas, antes de saber como fazer esse isolamento de área, é importante saber o que é isso. Bem, o isolamento é algo que se faz de forma temporária.

Seja para delimitar um espaço que não deve ter o acesso de terceiros, ou fazer algum tipo de atividade. De modo geral, sua função é ser uma espécie de alerta, para dizer que no local existem riscos.

05 passos de como isolar a área de trabalho?

Mas, o que fazer para adotar boas medidas para fazer um isolamento de segurança que seja eficiente? Bem, vamos dar cinco dicas que são fundamentais para fazer isso.

É importante pontuar que isso vai desde fazer uma análise da área onde irá trabalhar, até checar os itens que foram postos para sinalizar. Confira:

1. Analisar a área de trabalho:

Antes de dar início ao trabalho é preciso fazer uma análise de toda a área onde você irá trabalhar. Isso significa que é preciso checar o solo para saber se ela irá sustentar o equipamento.

Assim como é preciso ter certeza que a plataforma também irá caber no espaço. É importante pontuar que para saber qual plataforma irá usar, é preciso que seja feita a definição da área antes.

2. Escolha bem os equipamentos:

Após fazer uma avaliação do local é importante fazer a análise do equipamento. Ou seja, será preciso checar se tudo está em ordem, se as configurações estão corretas.

O manual costuma ter todas as informações referentes ao equipamento. Saber as características é muito importante, assim como saber o espaço que será preciso para utilizá-los.

Enfim, após ter feito a análise do local e das características do equipamento será possível começar o planejamento. Uma vez que isso tudo deve se encaixar nesse plano de trabalho.

Leia também: 5 tipos de aplicadores de fita adesiva que vão economizar o seu tempo.

3. Espaço para o isolamento:

Bem, para começar a fazer o isolamento de segurança, é importante ter em mente a altura máxima que o equipamento pode atingir. Pois pode acontecer de aparecerem dúvidas quando se está isolando a área.

É nessa hora que entra o conhecimento sobre o manual do equipamento. Além disso, é importante que toda a área seja isolada, isso ajuda a diminuir o fluxo de pessoas.

Sem falar que a segurança ao utilizar a plataforma fica mais ampla. Tenha em mente que essas plataformas não trabalham paradas, ou seja, estão sempre em movimento.

Mas, além da pessoa que vai estar na plataforma, é importante ter alguém para auxiliar no solo. Pois ele pode informar as pessoas que aparecem ao redor que ali é uma área de risco e que estão trabalhando no local.

4. Use fitas e cones para isolar a área:

Bem, o isolamento da área precisa ser feito com o uso de fitas para sinalizar o local e de cones. Com isso, é importante isolar a área do trabalho com cavaletes, pedestais e cones.

Em um espaço de no máximo 3 metros se usa a fita de sinalização. É importante se certificar que haja uma interligação entre eles.

Caso a plataforma esteja próximo a uma parede, é importante que você sinalize as laterais e também o lado oposto. Por outro lado, se ela estiver exposta em vários lados, será necessário sinalizar com fitas e cones toda a área.

Leia também: 7 dicas para embalar encomendas de maneira correta.

5. Sinalize os locais de acesso:

Sinalizar os locais de acesso também é de suma importância. Acontece que mesmo sendo algo com relevância, é em muitos casos deixado de lado, como se não fosse nada.

Isso porque, se alguém precisar passar por esse local onde estão trabalhando, já saberão de forma antecipada. Pois terá visto a sinalização de que aquela área é de risco, pois estão fazendo um trabalho nela.

Mas, como fazer essa sinalização dessa área? Bem, isso é algo que pode ser feito com placas, as quais devem informar o que está acontecendo na área em questão.

Além disso, é preciso orientar para que se tenha cuidado ao passar por perto. Assim, a pessoa irá optar por uma outra rota e evita que algum acidente aconteça tanto com ela quanto com os trabalhadores do local.

Por fim, mostramos como é importante sinalizar uma área de trabalho. Deixamos à sua disposição dicas de como fazer isso, e como é fundamental que isso seja feito.

Uma vez que se evita acidentes pequenos e graves também. Neste conteúdo você viu todo o passo a passo de como fazer essa sinalização para isolar uma área e manter a segurança de todos.

Tanto de quem está trabalhando no local quanto de quem está passando por ele. A importância de isolar a área que dá acesso ao local onde o trabalho está sendo feito é outra questão fundamental.

Mesmo que muitos deixem de lado, saiba que isso faz toda a diferença. Pois se alguém precisa acessar aquele espaço já estará ciente que ali estão trabalhando e que a área é de risco, dessa forma terão cuidado.

O que achou deste conteúdo? Esperamos que ele tenha sido útil de alguma forma, caso tenha alguma dúvida é só deixar um comentário.

Gostou? Compartilhe

Pesquise suas palavras-chave